Com Agostinho Alves - email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.


À sombra do Iran

Escrito por Agostinho Alves. Publicado em OPINANDO

Não há de se negar que o ex-prefeito de Boca do Acre não deixou saudades, pelo menos pra mim, até porque se tratou de um gestor metido com corrupção, perseguidor, além de outros fatos negativos. Por conta disso, a atual gestão ainda vai enfrentar muitos perrengues, para se livrar dos obstáculos que Iran Lima deixou.

Só para lembrar

Iran Lima deixou ruas esburacadas, a SASBA em estado deplorável, escolas sucateadas, serviço de saúde falido, lanchas que vieram para a saúde, mas ninguém sabe ondem estão, ônibus do programa Caminhos da Escola que não têm condições de atender aos estudantes, maquinários da Secretaria de Obras sem condições de uso, entre outros.

Até quando vai o discurso?

No entanto, a bola agora é com José Maria e se a administração dos dias de hoje não consegue fazer nada, as maracutaias de Iran Lima não podem servir de muleta eternamente, pois ao que parece, é que o grupo que agora está no poder, sempre joga a culpa na péssima gestão do prefeito anterior para não está fazendo nada. Calma, vocês ganharam a eleição, não são inocentes de achar que o Iran ia deixar tudo às mil maravilhas, então, deixa de reclamar, deixa de ficar usando o ex-prefeito como desculpa e vamos trabalhar, vamos ser a diferença que vocês prometeram ser.

Contas do ex estão aparecendo

Depois da matéria do sumiço da prestação de contas do prefeito Iran Lima, agora elas estão reaparecendo aos montes e serão votadas com brevidade, possivelmente, o ex-prefeito vai ser reprovado. A informação mais atual é de que outra prestação de contas de Iran Lima chegou aos anais da Câmara Municipal de Boca do Acre. Agora só falta votar.

Mais um processo ‘escolhetivo’?

A Secretaria Municipal de Saúde propôs um Processo Seletivo Simplificado para a seleção de agentes de saúde e agentes de endemias. Queremos acreditar que a pasta responsável pelo certame, não siga os mesmos ditames de perseguição política e realmente faça valer a lei, selecionando os mais capacitados.

Salto com vara

Parece loucura esse título, mas precisamos utilizar do esporte que foi motivo de orgulho para o Brasil nas olimpíadas do Rio de Janeiro, para exemplificar mais uma situação triste e reprovável que está ocorrendo dentro da Secretaria Municipal de Educação. Como se não bastasse o resultado altamente questionável do PSS, agora, segundo informações fidedignas, a equipe está pulando nomes. Por exemplo, quem ficou na posição 80, não foi chamado, mas quem está na posição 90, foi chamado e vai ser contratado. Entenderam agora a comparação com o salto com vara?

Fique atento

Algumas situações o Jornal Opinião vai cantar a pedra e você vai lembrar que viu aqui conosco. Na semana passada, uma pessoa, que pediu para que seu nome não fosse revelado, nos enviou mensagens reveladoras a respeito de suspeita de corrupção no governo Zeca. Muitos assuntos foram abordados, cabeludos por sinal, que custo acreditar, porém não posso duvidar, que esse governo já pode estar metido.

Manda-Chuva

O primeiro tema foi a participação de um empresário forte de fora, que pode estar mandando e desmandando em Boca do Acre, vencendo licitações, montando empresas, em resumo, se dando muito bem. Não vamos divulgar o nome do empresário, apesar de muitos já deduzirem quem. Veja o que a nossa fonte escreveu: “O empresário xxxx é o mão de ferro detentor de todos os recursos vindos para cá”.

Eletricidade

Nossa fonte também nos contou: “Outro empresário chamado zzzzz foi quem fez a venda de todo o material elétrico para Boca do Acre na época do Iran. Xxxx (primeiro empresário) foi quem colocou o zzzzz em contato com a gestão Zeca Cruz. zzzz deveria receber uma nota de seiscentos mil. Sendo que ele mesmo havia dito que se recebesse ele daria a metade para quem conseguisse sanar esta divida”.

Pagando as contas

“Xxxx foi quem pagou todos os custos de Zeca e ainda paga até hoje. Xxxx tem um conglomerado de máquinas para reciclagem de lixo. Que virão para cá”, revelou nossa fonte.

Política e garota de programa

A fonte ainda diz: “A Política em Boca do Acre nada mais é do que uma garota de programa obesa e mórbida, sem escrúpulos e dignidade alguma, ninguém aqui tem palavra nem muito menos vergonha na cara”.